COMUNIDADE SANTUÁRIO DE SÃO LÁZARO E SÃO ROQUE


Local: Estrada Velha de São Lázaro, Federação.

Padroeiros: São Lázaro. Festa acontece sempre no último domingo do mês de janeiro, e São Roque – Festa acontece no dia 16 de agosto.

O Santuário de São Lázaro e São Roque é a mais antiga das seis comunidades que formam a Paróquia da Ressurreição do Senhor. O mais remoto documento sobre o que, há mais de cem anos, era uma simples capela data de 12 de outubro de 1737, mostrando que o lugar é até mesmo mais antigo que a Basílica do Senhor do Bonfim.

Tendo pertencido à Paróquia da Vitória e à Paróquia do Rio Vermelho, o Santuário de São Lázaro e São Roque passou a fazer parte da Paróquia Ressurreição do Senhor no ano da criação desta última, 1966, apresentando em seus registros históricos ligação com um hospital, o “Lazareto”, destinado a receber pessoas afetadas por doenças contagiosas e doentes escravos trazidos da África. A história registra, ainda, que para a manutenção do hospital e da antiga igreja, o rei de Portugal, D. José, instituiu o “Real de São Lázaro”.

Essas e outras curiosidades chamam atenção especialmente da população local, para quem o lugar tem um significado especial. Não por acaso, em uma das restaurações realizadas no Santuário foi encontrado um letreiro que dizia: “Esta igreja pertence a Deus, a São Lázaro e ao Povo Baiano”.

Atualmente o Santuário de São Lázaro e São Roque se limita à residência dos padres redentoristas que administram a Paróquia, situada na parte superior da igreja, e da nave, que é visitada durante todo o ano por inúmeros romeiros vindos de todas as partes do país e até do exterior, de onde também são recebidos turistas ávidos por conhecer uma das mais expressivas representações da cultura baiana.

É no Santuário que acontece uma das mais expressivas demonstrações de fé do povo afrodescendente que, além de lotar o Santuário nos dias de segunda-feira, também participa de atividades alusivas ao Candomblé, realizadas na área externa do Santuário, numa significativa demonstração de respeito e tolerância religiosa.

No interior do Santuário também existe a “Sala de Ex-Votos” onde os fiéis colocam os objetos que exteriorizam a graça recebida de Deus pela intercessão de São Lázaro. São fotografias, fitas, cartas, roupas relacionadas à cura, muletas. Na sala encontram-se, ainda, réplicas de órgãos humanos feitas de parafina, representando a parte do corpo que obteve a cura.

As festas de São Lázaro e de São Roque reúnem uma multidão de pessoas no Tríduo Preparatório e nos dias festivos, quando são realizadas missas campais e procissões que percorrem as ruas do bairro. No Santuário também é realizada a festa em louvor a São Benedito.